Menu Fechar

A Marin 20″ do Miguel

Esta foi a bicicleta escolhida para o nosso filho de 6 anos. Quando começamos a ver de bicicletas para ele delineámos algumas características que consideramos imprescindíveis para o que pretendíamos para ele:

  • Travões de disco hidráulicos Tektro HD-J285 – Não é comum em bicicletas de 20” mas sabíamos que existia. A facilidade de travagem não tem nada a ver com os de cabo e muito menos com os V-brake. Uma criança de 6 anos tem mais dificuldade para usar as manetes de travões de modo que achamos importante um sistema o mais leve e preciso possível. Importante que as manetes sejam especificas para crianças ou seja mais pequenas que as de um adulto que é o caso das Tektro montadas nesta bicicleta.
  • Manipulos de mudanças de 8 velocidades da Microshift TS39 de alavanca – Regra geral as bicicletas para crianças veem com o sistema de punho ou “grip shifts”. No entanto e em parte por pesquisa sobre o tema preferimos o sistema tradicional e a nossa experiência não poderia ter sido melhor. Logo no primeiro dia o Miguel já conseguiu mudar de mudanças e perceber o mecanismo foi super rápido. Além de serem muito fáceis de manusear, não vai precisar de aprender um outro sistema dado que a maioria das bicicletas de adulto usam este sistema!
  • Distancia de entrepernas de 534mm – Esta é a altura até ao quadro à frente do banco. É importante que a criança quando está em pé à frente do banco não se magoe e nesta bicicleta esta distancia é relativamente baixa o que ajudou imenso no inicio. Para medirmos na criança, colocamos um livro entre as pernas e medimos do chão até ao cimo do livro.

Outras características que apesar de não terem sido determinantes na escolha da bicicleta são muito interessantes:

  • Pneus largos Vee Tire Crown, medida 20×2.6” – É sabido que quanto mais largo for o pneu maior a resistência. Mas para quem pretende andar em caminhos de terra, tem uma serie de vantagens. Podemos constatar que esta medida de pneu para o peso do nosso filho, permite circular com pressões muito baixas o que se traduz numa aderência extraordinária, principalmente em zonas de areia. Quase parece uma mini bicicleta Fat! Alem disso ajuda a amortecer as irregularidades do terreno facilitando a progressão.
  • Suspenção frontal Suntour XCM80 Boost – Não é determinante mas para circular em caminhos difíceis dá mais segurança. No entanto a suspensão que vem com esta bicicleta não é indicada para crianças na nossa opinião. É demasiado pesada, cerca de 2,5kg o que numa bicicleta de 20” é imenso, e devia de ser a ar que ajudava imenso na sensibilidade e no peso da mesma. Também achamos que as molas são demasiado duras para o peso do miúdo. É claro que na zona de preços que pretendíamos não se pode ter tudo de modo que já temos previsto um upgrade mais tarde para uma suspensão melhor. Uma pequena nota. A Suntour tem molas mais suaves que melhoram a sensibilidade da suspensão para ciclistas mais leves. Já as temos mas ainda não colocámos. Assim que as experimentarmos fazemos uma atualização.

De resto é uma bicicleta com componentes de entrada de gama, compreensível para o preço, mas que no seu conjunto e excetuando a suspensão funcionam muito bem. Apresenta um quadro de geometria moderna e com distancia entrepernas reduzida. E como já foi dito está concebida para poder levar pneus mais largos que o normal. E mais importante de tudo o Miguel adora! E ao longo deste dois meses a evolução tem sido absolutamente incrível o que diz muito da bicicleta.

https://www.marinbikes.com/

Deixar uma resposta