Menu Fechar

A nossa segunda casa

Já chegou, já chegou! Finalmente! O Mário andava em pulgas para receber a encomenda, o Miguel mega ansioso para ver a encomenda montada e eu confesso que ansiosa mas com tantas dúvidas na cabeça ainda…! 

Depois de dias e dias a pensar no assunto, a falarmos todos os serões, a pedirmos opiniões a tantas pessoas, a ver sites e sites na internet, numa troca de emails com várias empresas, até desenhos num programa de computador o Mário fez, e à escala, para analisarmos bem a forma como iria ficar a tenda, e só depois de tudo, isto finalmente decidimos comprar uma tenda de tejadilho e qual a que devíamos comprar!

Começando pelo tipo de tenda, eu queria uma rígida desde o início, devido a vários factores como por exemplo o facto de quando chove durante a noite ser mais fácil “arrumar” as coisas de manhã, não encharcadas, pelo sistema de ventoinhas para a condensação, pela rapidez na montagem, etc. Falámos com o Gonçalo da Nomad’s Glamper, super prestável, mostrou-nos tudo, tirou-nos as dúvidas, falou-nos do material, etc, e eu por mim fiquei decidida quase na altura. O Mário dizia “vai ficar um pouco grande em cima do carro”, para nós os 4 tem de ser uma xxl, mas eu nem concordava muito, achava bonita e já só pensava nela! Depois começámos a ver as soluções para colocá-la em cima do carro, e aí é que as coisas mudaram de rumo…temos uma pick-up, em que a caixa de carga e a cabine mexem em separado e isso faz com que a tenda não possa ir colocada em cima das duas, ou numa ou noutra, tendo em conta que a caixa de carga não está preparada para suportar o peso de uma tenda, só poderia ir na frente e como é enorme ficaria muito para a frente, em cima do espelho. Estética, aerodinâmica, e praticalidade não abonaram a favor desta solução e por isso com muita pena minha tivemos de desistir da ideia da tenda rígida :/

Resta a tenda de lona! Ora bem, começar por escolher o tipo de material, gramagem da lona por causa das condições atmosféricas, qual a forma de colocar a capa protectora, fecho ou não fecho (para mim mais rápido e com menos probabilidade de se estragar), com o mínimo de janelas e janelinhas de montagem extra, ou seja depois de puxar para o lado tem de estar pronta, era isto que pretendíamos, verificar se permite anexo, que tipo de anexo, tempo de montagem do anexo, escada coberta, ou seja, estar coberto quando se sai e entra da tenda, muuuuuuitos factores a ter em conta! E depois de, sem exagero cerca de um mês e meio a pensar nisto, aqui está ela! A nossa tenda da AutoHome, modelo Overzone.
Depois de escolhida a tenda tivemos de encontrar a forma como colocá-la em cima do carro, e optamos por uma grade Frontrunner de modo a podermos apoiar a tenda em 6 pontos.
Um dos factores para termos adiado a compra deste tipo de tenda era porque a nossa bebé ainda não dorme a noite seguida e às vezes é preciso andar com ela ao colo (os nossos dois filhos comem muito bem mas dormem muito mal 😅🙄), daí termos tendas que nos permitem andar em pé, mas até neste aspecto a Madalena me está a ajudar, porque nas últimas semanas já tem feito noites em que dorme quase seguido, inédito! Até ela quer a tenda de tejadilho! 😂
A nossa tenda de chão que tínhamos neste momento também é rápida, mas não tão rápida como uma de tejadilho, porque não temos de abrir a caixa, tirar o saco da tenda, colocar a protecção no chão e só depois começar a montá-la, meter o colchão, enchê-lo e colocar sacos cama! O facto de podermos ficar em qualquer lado é que realmente é um factor fantástico para nós, vamos poder deixar de andar às vezes uma hora ou mais a procurar um local para ficar, a nível de segurança também é melhor e com miúdos ainda se pensa mais nisso, o podermos chegar e rapidamente poder montar a tenda e colocar-me lá com os miúdos é muito bom sem dúvida! 
Têm-me questionado acerca dos banhos dos miúdos e ao poder comer dentro da tenda quando está vento, chuva e frio, nós vamos andar à mesma com o nosso anexo da Decathlon que costumamos usar acupulado à traseira do carro, para podermos continuar a ter “esse abrigo rápido”, mas comprámos também o anexo da tenda que é brutal! Montagem rápida, pode colocar-se todo fechado ou apenas com o lado que pretendemos cortar o vento, gosto imenso!
Colocando na balança os prós e contras a tenda de tejadilho ganha e com vantagem! O nosso tipo de férias é ficar uma noite em cada local e por isso faz todo o sentido esta troca de material!
Irei depois fazer um vídeo para vos mostrar a tenda, já nos Alpes espero eu.
Podem desejar-nos boa sorte para as nossas aventuras com a nossa nova aquisição! 

7 Comments

  1. Adn Aventureiro

    Nada como levar a casa às costas!
    Nos compramos a nossa recentemente e tb demoramos até decidir qual seria! Acabamos por decidir por uma não rígida tb! Um dia destes coloco no blog tudo sobre a nossa escolha!
    Boas aventuras
    Vera Felix
    @adnaventureiro

    • mamaoverlander

      Acho que não sabemos viajar sem a levar às costas
      É uma decisão influenciada por diversos factores, temos de ponderar bem todos eles! Cada família tem de ver a melhor solução para si, de certo que a vossa terá sido uma óptima escolha para vocês! 😉
      Obrigada e igualmente Vera ☺️

  2. Pingback: Overunpavedlanding pelo Algarve – Filmusimage

Deixar uma resposta